segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Efeitos secundários

Podemos viajar para todo o lado
em negócios ou por prazer
sem destino
sem mapas
sem leituras prévias
sem conhecer a língua
assim como
podemos escrever
um poema
sem nunca ter lido
poesia mas
existe sempre o perigo
real e eminente
de nunca sairmos
de nós próprios
de nos perdermos
de nós mesmos

Sem comentários:

Enviar um comentário