quinta-feira, 25 de junho de 2009

M.



M. mandou matar a mulher mas depois arrependeu-se, e matou-a ele mesmo.

Sem comentários:

Enviar um comentário