sexta-feira, 30 de março de 2012

MILLÔR



Se há livro que devo incluir nas minhas referências este é sem dúvida um deles. Li-o há muitos anos, quando apenas escrevia na minha cabeça. Há excertos que ainda hoje me lembro quase na íntegra, como o que incluo a seguir.



"Um cego apura profundamente seu senso de audição. Essa afirmativa desvairada de otimistas que estão sempre buscando uma compensação impossível para os desastres naturais e os espantosos erros da natureza, só pode ser ratificada e apoiada por um exemplo ainda mais visível da lei das compensações: um indivíduo com uma perna mais curta do que a outra tem sempre, infalivelmente, a outra perna mais comprida."
MANIFESTO CONTRA A NATUREZA. 1956

E outros que leio agora como se fosse a primeira vez :) e me fazem rir e chorar

"No Brasil, atualmente, só há um extremismo perigoso: o dos indivíduos extremamente conservadores."
CONVERSA COM FERNANDO SABINO, JORNALISTA, ROMANCISTA.



Sem comentários:

Enviar um comentário