sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Escrever (também) é abanar as palavras

- Capitulo.
- Capítulo? Capítulo quê?
- Não, nada disso. Capitulo. Sem assento!
- Sem assento? Sem acento, queres tu dizer!
- Não. Capitulo. Sem assento, capitulo.
- O quê?
Estou farto de estar de pé, disse ele, e foi-se embora sem mais.

Sem comentários:

Enviar um comentário