domingo, 22 de agosto de 2010

ainda o traste ou a ausência de (con)traste

I

(Ela) Apaixonou-se por ele porque (ele) era um traste; separou-se dele porque (ele) era um traste.

II

(Ele) Apaixonou-se por ela porque (ele) era um traste; (ele) separou-se dela porque (ele) era um traste.



Moral da história: Ele é (sempre) um traste.

4 comentários:

  1. Cen-traste-te no traste e Ene-traste em parafuso.
    Um abraço de consolação

    ResponderEliminar
  2. Traz-te, disse, e ele trouxe-se.
    um abraço, mestre

    ResponderEliminar